Os 6 meses do bebé

 


O seu bebé já reconhece os membros da família, principalmente a mamã e o papá,  com quem interage cada vez mais e de quem gosta de receber muitos mimos, pois tem uma grande necessidade de afeto.

Nesta fase o bebé já se expressa através de algumas sílabas linguísticas, o que faz as delícias dos papás!

Já estica os braços quando quer que o levantem e consegue reconhecer as vozes mais familiares.

Está a começar a sua vida de aventuras: rastejar, deslizar no chão, deslocar-se para trás até ao momento em que gatinhará. É necessário preparar a área onde está habitualmente e eliminar qualquer perigo que possa estar no seu caminho.

O bebé presta cada vez mais atenção ao mundo que o rodeia, e está cada vez mais curioso! Serve-se cada vez mais das suas mãos, levando tudo à boca. A sua coordenação motora está cada vez mais desenvolvida permitindo-lhe passar objetos de uma mão para a outra e agarrar o biberão.

Ao mesmo tempo, começam a nascer os primeiros dentes e o bebé tem necessidade de morder para aliviar a dor. Para o ajudar a ultrapassar esse momento doloroso, pode dar-lhe uma argola de dentição. Se a argola estiver fria, poderá ajudar a aliviar a dor. 

O bebé já consegue ficar acordado cerca de duas horas consecutivas, período durante o qual vai trabalhando a sua memória. Pouco a pouco, vai interiorizando os diferentes momentos do seu dia e as refeições vão representando uma fonte de prazer cada vez maior.

Consegue igualmente permanecer sentado sem necessitar de apoio auxiliar  e já pode estar sentado numa cadeira alta onde vai comer, brincar e interagir com o resto da família.

As necessidades nutricionais do bebé continuam a evoluir, sendo necessária cada vez mais energia para o seu crescimento e também para as suas atividades.

Começa agora a descoberta do sabor das papas, das primeiras frutas e dos legumes com o início da introdução da alimentação complementar. Esta deve ser progressiva, durante várias semanas, a fim de respeitar o apetite e as capacidades digestivas do bebé.

A descoberta da pequena colher é um momento importante na vida do bebé. Inicialmente o bebé vai preferir comer com as mãozinhas mas dê-lhe uma colher...ele vai querer experimentá-la!

Prefira uma colher pequena, com um tamanho adequado para a boca do bebé. Deverá ser rasa e não muito grossa, para que ele consiga comer mais facilmente, em silicone ou em plástico para que o contacto seja mais agradável. Escolha uma colher colorida, capaz de captar a sua atenção e interesse! Existem diversas soluções que pode escolher!

Deve também estimular o bebé dando-lhe o biberão para que ele mesmo o segure (com pouco líquido), mais tarde poderá começar a dar-lhe os líquidos num copo adaptado. É uma fase de aprendizagem importante em que o bebé está a descobrir a alimentação e precisa de experimentar.

O bebé deve ser alimentado num ambiente calmo. É importante que esteja tranquila, seja paciente e que comunique com o bebé, encorajando-o. Esteja atenta aos sinais de fome (irritabilidade, agitação) e de saciedade (virar a cabeça quando lhe apresenta a colher, recusar-se a comer, adormecer, começar a brincar).

Evite as imposições bruscas, cada bebé tem o seu ritmo e é necessária muita paciência e perseverança para não criar conotações negativas com a refeição.

Não exija demasiado asseio ao seu bebé e deixe-o sujar-se...vai contribuir para um bom ambiente à refeição e para o desenvolvimento motor e sensorial.

Para saber quais são os primeiros alimentos que deverão ser introduzidos, clique aqui.

Desenvolvimento Bebe 6 meses
A Nossa Produção
Desde o primeiro dia até que chega à sua mesa.
Ler mais
Nutrientes
Todos os nutrientes têm um papel importante no crescimento do seu bebé.
Ler mais
Jardineira de Vitela
Os boiões de refeição Blédina são uma boa opção para variar as refeições do seu bebé.
Ler mais
Diversificação alimentar aos 6 meses
Pouco a pouco os novos alimentos vão desempenhar um papel importante.
Ler mais